SEGUIDORES

04 dezembro 2014

RICARDO NOBLAT: O QUE VIER ELES TRAÇAM (O GLOBO)

Ricardo Noblat


O esquema era franciscanamente simples, despojado. Mas nem por isso pouco engenhoso. Era quase à prova de descoberta. Não fosse a delação premiada..Do começo. Augusto Ribeiro de Mendonça Neto, executivo da empresa Toyo Setal, revelou em acordo de delação premiada na Operação Lava Jato, que parte da propina paga ao ex-diretor de Engenharia e Serviços da Petrobras Renato Duque foi por meio de “doações oficiais” ao PT. Entre 2008 e 2011, ele calcula que a Toyo Setel doou ao PT algo como R$ 4 milhões. O dinheiro fez parte das contas oficiais do PT declaradas à Justiça. E tudo teria ficado por isso mesmo, perfeitamente dentro do que a lei prevê, não fosse o fato de... De Augusto Ribeiro ter contado o que sabia para não ser preso.
O Palácio do Planalto, que segundo a presidente Dilma nem fala nem tem ouvidos, informou à imprensa que “doações de campanha são da alçada” do PT. Quer dizer: se restar provado que dinheiro de propina pagou despesas de campanha de Dilma, ela, coitada e inocente, nada tem a ver com isso. O PT se apressou em dizer que declarou à Justiça, tostão por tostão, tudo o que recebeu de empreiteiras. Não tinha como adivinhar que o dinheiro era sujo ou limpo. Está vendo por que o esquema era engenhoso? E à prova de quase tudo? Empreiteiras interessadas em fazer negócios com a Petrobras concordavam em pagar por fora uma comissão que acabava dividida assim: * parte dela era destinada a encher os bolsos de Duque* outra parte era depositada em contas de Duque no exterior, podendo, mais tarde, ir parar em outras contas; * e parte entrava aparentemente limpa nos cofres do PT. Quer dizer: o grau de pureza do dinheiro era certificado pela Justiça Eleitoral.
O sistema de financiamento de campanhas no Brasil está sob grave suspeição. Como? Você acha que o PT ou outro partido qualquer deveria investigar a origem do dinheiro que lhe for oferecido? Imagina! Como você é ingênuo... Como? E se um traficante de drogas, por meio de terceiros, doasse dinheiro aos partidos? Dinheiro não é carimbado. O que vier os partidos traçam. São raras as ocasiões em que aparecem delatores. Vale correr o risco.











Nenhum comentário:

Postar um comentário

MESMO QUE NÃO TENHA TEMPO COMENTE. SUA VISITA É
MUITO IMPORTANTE E SEUS COMENTÁRIOS TAMBÉM...
ANÔNIMOS ACEITOS, DESDE QUE NÃO OFENSIVOS. UMA COISA IMPORTANTE: AS CAPTCHAS NÃO TÊM DIFICULDADE PARA AS PESSOAS. AS LETRAS OU SÃO MAIÚSCULAS OU MINÚSCULAS, NÚMEROS SEMPRE IGUAIS. CASO NÃO ENTENDA HÁ UMA RODINHA PARA V. MUDAR ATÉ ACHAR MELHOR.OBRIGADO.